O principal perigo da picada de vespa é o risco de choque anafilático que pode provocar a morte em consequência de várias picadas ou apenas de uma.

São vistas, maioritariamente, como um incómodo ou uma ameaça para a saúde. Pensa-se que se alimentam de fruta como, por exemplo, maçãs, peras e ameixas. São consideradas necrófagas e propagadoras de algumas enfermidades. Como necessitam de reunir madeira para construir os ninhos, podem danificar componentes de madeira em edifícios, vedações e mobiliário de jardim.

Podem causar incómodo ao entrar em cozinhas, padarias e outros estabelecimentos onde se manipulam produtos doces. Podem contaminar os alimentos e causar incómodo ao picar as pessoas, podendo vir a ser consideradas uma ameaça para a saúde pública.

Contrariamente às abelhas, a vespa pode retirar o ferrão da vítima. O principal perigo é o risco de choque anafilático que pode provocar a morte em consequência de várias picadas ou apenas de uma.

As vespas não são particularmente agressivas, picam apenas quando se sentem ameaçadas para defender os seus filhos.

Aquando uma praga de vespas deve-se sempre confirmar que não se trata de abelhas (Apis mellifera), pois estas são consideradas uma espécie protegida.